[Musicais] ‘Viva Forever’, baseado em músicas das Spice Girls, estreia em Londres

Cartaz de 'Viva forever!', musical baseado nas canções das Spice Girls (Foto: Divulgação)FONTE – Os sucessos das Spice Girls que marcaram toda uma geração voltam com força nesta terça-feira (11) no musical mais esperado e anunciado do ano no West End londrino, “Viva forever!”. A expectativa é máxima em torno da produção, que estreia hoje no Teatro Piccadilly de Londres, mas que já arrecadou mais de 4 milhões de libras (R$ 13,39 milhões) em venda prévia de ingressos.

Como aconteceu com o famoso “Mamma mia!” (da mesma produtora, Judy Craymer), o musical não se baseia nas carreiras das cinco “spices”: usa sua discografia como fio condutor de uma história sobre o lado menos agradável da fama.

Viva, a protagonista, sonha em triunfar no mundo da música e por isso se apresenta em um “show de calouros”, como o “X Factor”, com três amigas para interpretar temas como “Look at me”, o primeiro single de Geri Halliwell fora do grupo e único tema do musical que não é das Spice Girls.

O destino e os caminhos de um meio nem sempre simpático decidem que Viva deve alcançar o sucesso sozinha, sem suas grandes amigas, e que escolha entre amigos e parentes ou os holofotes e a fama. “Mama”, “Who do you think you are”, “Goodbye” e “Spice up your life” acompanham Viva, assim como sua mãe superprotetora, durante um caminho amargo em que aprende a ser criticada e a manter os pés no chão.

“Viva forever!” foi escrito pela comediante Jennifer Saunders, conhecida por sua colaboração para séries de televisão como “Absolutamente fabulosas” e que está estreando na Meca do teatro da capital britânica com um musical leve para mães, filhas e amigas.

Enquanto o musical aguarda as críticas dos exigentes jornais britânicos, as redes sociais e os usuários que viram alguma das pré-estreias aprovaram com elogios – os adjetivos mais usados são “surpreendente” e “brilhante” – um espetáculo ideal para os fãs mais nostálgicos. Espera-se que o sucesso da produção contribua para aumentar ainda mais o número de 75 milhões de discos vendidos pelas Spice Girls, o grupo feminino de maior sucesso da história.

Victoria Beckham, Emma Bunton, Melanie Chisholm, Melanie Brown e Geri Halliwell (também conhecidas como Posh, Baby, Mel C, Mel B e Ginger) se uniram em 1996 e no mesmo ano chegaram ao topo das listas de vendas com seu primeiro single, “Wannabe”, do disco “Spice”, que foi seguido por “Spice world”.

Em meados de 1998, Geri Halliwell deixou o grupo por divergências com suas colegas, que seguiram adiante e em 2000 gravaram e lançaram um novo álbum, “Forever”. Após se tornar referência do pop britânico da década de 1990, o quarteto se desfez em 2001 e cada “spice” saiu em carreira solo, sendo que Victoria Beckham teve mais sucesso profissionalmente em escala mundial, não como cantora, mas como estilista de sua própria marca.

Alguns anos e vários filhos depois, as Spice Girls surpreenderam os fãs em 2007 lançando uma coletânea e uma turnê mundial, embora sua reaparição mais comentada tenha sido a do encerramento dos Jogos Olímpicos de Londres, em agosto. O impacto foi tanto que, segundo “The Independent”, a curta apresentação no estádio olímpico gerou uma média de 116 mil tweets por minuto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s