[Quarta Parede] Toda Nudez Será Castigada?

– Nesta cena você ficará nua – Afirmou o diretor.

– Como assim? – Questionou a atriz.

– É uma sedução, a força da personagem traduzida nesta ação, mas não se preocupe vamos trabalhar a cena com bastante calma…

– Eu… Não sei…

– É um trabalho artístico e você é uma atriz. Nada será realizado fora do contexto! Confie, e não se preocupe.

Vinda de uma família conservadora, Daniela sempre foi muito tímida e encontrou no teatro uma forma de escapar a seus anseios. Gostou tanto que decidiu se profissionalizar. A família não foi contra, até gostaram da possibilidade de ter uma filha artista, principalmente a mãe que espalhou aos amigos e parentes que sempre perguntavam: “ E aí, quando vai aparecer na novela das nove?” Pois é, contrariando as expectativas dos outros, Daniela acabou indo parar em um grupo de teatro que trabalha com o corpo de forma experimental, e pela primeira vez, interpreta uma personagem amoral, dramática, sensual e sexual. Em uma versão do clássico de Nelson Rodrigues, “Toda Nudez Será Castigada”, Dani tem em Geni a possibilidade de aprender algo novo em sua carreira.

A nudez na arte não é fácil. Principalmente para os profissionais mais tímidos, afinal é uma exposição muito forte e para que ela aconteça, é necessário ser de fato coerente e bem contextualizada. Forçar uma cena de nudez como forma de chamar a atenção do mercado, não é um bom caminho. Se não há necessidade de expor o corpo do profissional, a nudez torna-se uma apelação barata e nenhum artista deve se submeter a isso. Há personagens que exigem entrega e exposição maior e mais intensa e o diretor, o verdadeiro diretor, vai saber conduzir a cena para que ela fique agradável à mensagem da história e aos olhos do espectador.

Voltando ao dilema de Daniela, a jovem comentou com sua mãe sobre a cena de Geni com o amante Serginho, filho de seu marido Herculano, onde ficaria nua. A personagem é uma prostituta, que vive a obsessão de morrer de câncer de mama. E a mãe da atriz opinou sobre isso:

– De jeito nenhum Dani! Você é moça de família, não deve se expor desta forma em um teatrinho! O que as pessoas vão dizer? Será chamada de vagabunda! A nudez minha filha, só é vista com valor quando se é famosa! E se estivesse na novela das nove, aí sim, seria outra coisa!

A companhia teatral que Daniela trabalha não é famosa como uma novela das nove, mas o diretor é paciente e extremamente profissional e quando ouviu da atriz que não faria a cena por medo da exposição desnecessária, foi obrigado a ser categórico em suas decisões. Chamou outra atriz que não viu problema nenhum em ficar nua. Daniela continuou no espetáculo, vivendo uma personagem menor e… Se arrependeu. A peça foi bem-sucedida! A atriz que interpretou Geni ganhou prêmio no festival de Curitiba como melhor atriz. E… Olha só, um produtor de elenco a viu em cena e a chamou para fazer um teste… Adivinhem? Para uma novela das nove! E Dani sentiu-se castigada por não ter valorizado a oportunidade.

Texto de Luana Manso
Revisado por Zilma Barros
Foto: Zilma Barros (Atriz)
Fotógrafo responsável: Rodrigo Oliveira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s