[Quarta Parede] O Potencial da Arte

Um grupo de teatro, depois de muitas lutas, conseguiu alugar um espaço para seus ensaios e apresentações. Não foi fácil! Sem o apoio do governo, ou seja, de algum edital, as dificuldades para obter uma renda garantindo estabilidade para projetos e produções teatrais são grandes. Pois bem, o espaço era bem localizado e os membros da tal companhia teatral trabalhariam arduamente para conseguirem renda para pagar o aluguel e todas as despesas do lugar. Reformaram, pintaram e transformaram. O espaço de artes estava pronto para ser divulgado!

O problema é que as pessoas do bairro não notavam a presença desta novidade, não percebiam a oportunidade de lazer, mais interessante do que os shoppings centers que tanto lotam nos finais de semana. Porém, alguns moradores perceberam o teatro. Curiosos, curtiram a ideia. Uns prometeram voltar e assistir às peças da companhia teatral, mas no dia da apresentação sequer apareceram… Já outros prometeram a mesma coisa, mas voltaram. O público desse teatro, mesmo com ótimas produções, era pequeno, aos poucos certamente aumentaria, mas as contas estavam vencendo.

O grupo decidiu oferecer cursos e oficinas teatrais. Deu algum resultado, mas ainda não era o suficiente. Porém, uma companhia amiga decidiu realizar uma temporada do seu espetáculo de sucesso no espaço. Eles já tinham um público cativo, pois é uma companhia consagrada e mais conhecida, e no elenco um dos atores já atuou em uma novela. Pronto, bilheteria garantida. A temporada foi bem sucedida! Parte do público adora assistir a um espetáculo quando há chance de ver um famoso ator da TV. Mas foram arrebatados pela bela mensagem do espetáculo!

Apesar disso, o proprietário do imóvel decidiu aumentar absurdamente o aluguel. O grupo de teatro ficou sem rumo… A popularidade cresceu muito, a as peças da companhia, juntamente com as oficinas também. Mesmo assim o proprietário, agindo de má fé, não quis saber. Ele aumentou o aluguel, comprovou que isso estava previsto em contrato. O seu objetivo na realidade era que o grupo não tivesse o dinheiro e desistisse, pois, um amigo seu queria a locação do espaço para abrir uma pizzaria comprovando ter renda para deixar pagos cinco meses de aluguel adiantados. Infelizmente, a ganância venceu o que estava começando a dar certo. A pizzaria ganhou espaço, mesmo já tendo diversas no bairro. A companhia de teatro, a única daquela região foi despejada, abandonando a temporada de uma das produções que havia sido iniciada há uma semana e com bom público na estreia.

Este texto ilustra uma triste realidade de lutas que diversas companhias teatrais têm para se manterem, utilizando somente o dinheiro do seu trabalho. Algumas, com sorte e competência, conseguem. Outras infelizmente não. O Estado deveria olhar mais para o trabalho artístico no país. Deveria fazer mais do que fazem, pois ainda é muito pouco. A arte tem o poder de transformar vidas. Pode ser a salvação de uma nação.

Texto de Luana Manso
Revisado por Zilma Barros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s