[Coluna de Quinta] Publicidade e Preconceito


Foto: Campanha para o Hipermercado Extra

Eu realmente gostaria de entender esse preconceito. Primeiro porque deveríamos ser as pessoas menos preconceituosas em um mundo já tão complicado e depois porque, qual o problema? É um trabalho como qualquer outro, paga-se muito bem nessa área, e desde que a empresa ou a campanha escolhida não vá contra seus princípios, não vejo porque não fazer.”

Esses dias uma amiga atriz que também trabalha com publicidade, publicou no facebook que havia sido hostilizada por uma colega de sua cia de teatro só porque ela grava campanhas publicitárias. Eu realmente gostaria de entender esse preconceito. Primeiro porque deveríamos ser as pessoas menos preconceituosas em um mundo já tão complicado e depois porque, qual o problema?

Qual o problema em ganhar seu dinheiro de forma digna? Eu também já fui criticada por isso e não consegui compreender os motivos. É um trabalho como qualquer outro, paga-se muito bem nessa área, e desde que a empresa ou a campanha escolhida não vá contra seus princípios, não vejo porque não fazer. Muitas vezes, a publicidade paga em horas de trabalho o que você leva meses juntando no teatro. Não significa que eu ame menos o teatro. Não significa que eu vá parar de fazer teatro. Significa que eu tenho contas de água, energia, gás, aluguel, IPTU, IPVA, seguro, plano de saúde e uma porção de coisas para pagar. Significa que eu tenho uma família e preciso garantir pelo menos o básico para ela. Significa que amor à arte não enche barriga de ninguém. Significa que o mundo precisa de menos julgamentos. Significa que enquanto você está apontando e julgando o próximo, você também poderia estar batalhando e fazendo algo de bom para você mesmo.

Alguns atores ficaram bem conhecidos pelos seus trabalhos como atores exclusivos de grandes marcas. Quem não conhece o “ruivo da Vivo”? João Cortês conquistou seu espaço primeiro na publicidade e depois ganhou destaque nas séries 3 Teresas, do canal GNT e Os Experientes, da Globo.

Não gosta? Não quer? Ok. Não faça. Mas isso não te dá o direito de julgar ninguém.

Carla Buarque


image1.JPG

“Carla Buarque é atriz e usa a escrita como válvula de escape para as agruras do mundo”.

 
Blog / Facebook / Instagram: @carlammp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s